Livro - Beneficência Social | Ellen G. White Books

Beneficência Social

CAPÍTULO 17

Mulheres Chamadas Para o Trabalho

BS - Pag. 143  

VI. O Movimento de Dorcas na Igreja

Em Jope havia uma certa Dorcas, cujos hábeis dedos eram mais ativos que sua língua. Ela sabia quem necessitava de roupas confortáveis e quem necessitava de simpatia, e liberalmente ministrava às necessidades de ambas as classes. E quando Dorcas morreu, a igreja em Jope sentiu sua perda. Não admira que tenham chorado e lamentado, e que lágrimas ardentes hajam caído sobre o seu corpo inanimado. Ela era de tão grande valor que pelo poder de Deus foi trazida de volta da terra do inimigo, afim de que sua habilidade e energia pudessem ser ainda uma bênção para outros.

Fidelidade tão paciente, consagrada e perseverante como a que possuíam esses santos de Deus é rara; entretanto a igreja não pode prosperar sem ela. Ela é necessária na igreja, na Escola Sabatina e na sociedade. Muitos passam a participar das relações de igreja com seus naturais traços de caráter não subjugados; e quando surge uma crise, e se tornam necessários ânimos fortes e esperançosos, eles se entregam ao desencorajamento e acarretam fardos para a igreja; não vêem que isto está errado. A causa não necessita de tais pessoas, porque são indignas de confiança; mas há sempre um chamado para obreiros firmes, tementes a Deus, que não fraquejem no dia da adversidade. Testimonies, vol. 5, pág. 304.

Mulheres Chamadas Para o Trabalho

Havia em Jope uma discípula chamada Tabita, que, traduzido, se diz Dorcas. Esta estava cheia de boas obras e esmolas que fazia. Atos 9:36.

O Movimento de Dorcas na Atualidade

Devia haver sem dúvida um número maior de mulheres empenhadas na tarefa de ministrar à humanidade sofredora, reerguendo-a e educando-a agora para que creia - simplesmente para que creia - em Jesus Cristo nosso Salvador. E ao darem-se as almas ao Senhor Jesus, fazendo uma entrega completa, compreenderão a doutrina. ...

Pesa-me que nossas irmãs nos Estados Unidos não estão em maior número fazendo a obra que podiam fazer pelo Senhor Jesus. Permanecendo em Cristo, receberiam coragem e força e fé para o trabalho. Muitas mulheres gostam de falar. Por que não podem falar as palavras de Cristo às almas que perecem? Quanto mais intimamente relacionados com Cristo, mais o coração apreende o infortúnio das almas que não conhecem a Deus e que não sentem a desonra que estão fazendo a Cristo que as comprou por preço.

Quando as mulheres crentes sentirem o fardo das almas, e o fardo de pecados que não são seus, estarão trabalhando como Cristo trabalhou. Nenhum sacrifício considerarão demasiado grande para salvá-las para Cristo. E qualquer que tiver esse amor pelo próximo é nascido de Deus; e estará pronto para seguir em Seus passos, e suas palavras e voz serão talentos empregados no serviço do Mestre; o próprio nutrimento vindo da


BS - Pag. 144  

fonte paterna para seu caráter fluirá em diferentes canais de amor para os que estão tristes e abatidos.

Nessa obra há uma constante educação. O desejo de ser uma bênção descobre a fraqueza e ineficiência do obreiro. Isso impulsiona a alma para Deus em oração, e o Senhor Jesus concede luz e Seu Espírito Santo, e eles compreendem que é Cristo que abranda e quebranta o coração endurecido. Carta 133, 1898.

Valor da Organização

A obra que estais fazendo para levar nossas irmãs a sentirem sua responsabilidade individual para com Deus é uma obra boa e necessária. Ela tem sido por muito tempo negligenciada. Mas quando esta obra é assentada em linhas claras, simples e definidas, podemos esperar que os deveres do lar, em lugar de serem negligenciados, serão cumpridos com mais inteligência. O Senhor apreciaria que sempre fizéssemos sentir o valor da alma humana àqueles que não compreendem o seu valor.

Se podemos fazer arranjos de modo que se tenham grupos organizados e instruídos inteligentemente com respeito à parte que devem desempenhar como servos do Mestre, nossas igrejas terão uma vida e vitalidade de que necessitam há muito tempo. A excelência da alma que Cristo salvou será apreciada. Nossas irmãs em geral têm um programa trabalhoso com suas famílias em crescimento e suas inapreciadas provas. Tenho suspirado bastante por mulheres que poderiam ser educadas para ajudarem nossas irmãs a se erguerem de seu desencorajamento e sentirem que podem fazer trabalho para o Senhor. Isto significa levar raios de luz para dentro de suas próprias vidas, e que se refletirão no coração de outros. Deus vos abençoará e a todos que convosco se unirem nesta grande obra. Carta 54, 1899.


BS - Pag. 145  

O Senhor Tem uma Obra Para Mulheres

O Senhor tem uma obra para mulheres, bem como para homens. Elas podem ocupar os seus lugares em Sua obra nesta crise, e Ele realizará por intermédio delas. Se estiverem imbuídas com o senso do dever, e trabalharem sob a influência do Espírito Santo, terão a exata presença de espírito requerida para este tempo. O Salvador refletirá sobre essas abnegadas mulheres a luz de Sua face, e lhes dará poder que excede o dos homens. Elas podem fazer em famílias uma obra que os homens não podem fazer, obra que alcança o íntimo da vida. Podem aproximar-se do coração daqueles a quem os homens não podem alcançar. Seu trabalho é necessário. Review and Herald, 26 de agosto de 1902.

As Mulheres Têm um Elevado Destino

Irmãos, podemos fazer um nobre trabalho para Deus se quisermos. As mulheres não conhecem o seu poder. Deus não deseja que suas faculdades sejam todas absorvidas em perguntar: Que comeremos? Que beberemos? Com que nos vestiremos? Há para a mulher um propósito mais alto, um mais elevado destino. Ela deve desenvolver e cultivar suas faculdades, pois Deus pode utilizá-las na grande obra de salvar as almas da eterna ruína. Testimonies, vol. 4, pág. 642.

Podemos dizer com segurança que a dignidade e importância da missão e deveres típicos da mulher são de caráter mais santo e mais sublime que os deveres do homem. ... Que as mulheres compreendam a santidade de sua obra e, na força e temor de Deus, assumam a sua missão. Testimonies, vol. 3, pág. 565.

Se pudermos imprimir na mente de nossas irmãs a idéia do bem que está em seu poder fazerem mediante o Senhor Jesus Cristo, veremos uma tarefa maior realizada. Carta 119, 1898.


BS - Pag. 146  

Mulheres Chamadas Para Mensageiras de Misericórdia

Necessitamos muito de mulheres consagradas que, como mensageiras de misericórdia, visitem as mães e os filhos em seus lares e os ajudem nos deveres diários da família, se necessário, antes de começarem a falar-lhes sobre a verdade para este tempo. Descobrireis que por este método tereis almas como resultado de vosso ministério. Review and Herald, 12 de julho de 1906.

"Por que Estais Ociosos?"

O Senhor da vinha está dizendo a muitas mulheres que nada fazem agora: "Por que estais" ociosas? Elas podem ser instrumentos de justiça, prestando santo serviço. Foi Maria quem primeiro pregou um Jesus ressurreto; e a influência refinada e suavizante de mulheres cristãs é necessária na grande obra de pregação da verdade agora. Se houvesse vinte mulheres onde agora só há uma, que pudessem fazer da salvação de almas sua estimada tarefa, veríamos muito mais conversos à verdade. Zelosa e continuada diligência na causa de Deus fariam inteiro sucesso, e as assombraria com o seu resultado. A obra deve ser completada mediante paciência e perseverança, e nisto se manifesta a real devoção a Deus. Ele requer atos, e não apenas palavras.

A obra de Deus é digna dos nossos melhores esforços. ... Estamos muitas vezes tão envolvidos em nosso próprio interesse egoísta que nosso coração não tem a possibilidade de dedicar-se às necessidades e carências da humanidade; estamos em falta quanto a obras de simpatia e beneficência, em ministério santo e social aos necessitados, opressos e sofredores. Signs of the Times, 16 de setembro de 1886.

A Obra a Ser Feita

Inação e sutil ociosidade está enfraquecendo as forças vivas de nossas jovens. Há as que desperdiçam horas de precioso tempo na cama, o


BS - Pag. 147  

que não constitui uma bênção para elas com acréscimo de forças nem é utilizado no aliviar outros de seus fardos, mas traz sobre elas debilidade e mantêm-as em hábitos errôneos. Essas horas de indolência desnecessariamente passadas na cama jamais serão recuperadas. O pecado do tempo assim perdido é marcado no livro de registros.

Há muito que fazer neste nosso atarefado mundo. Há pessoas na grande família de Deus que necessitam de simpatia e ajuda. Se nosso próprio trabalho não exige nosso tempo, há enfermos a serem visitados, pobres a serem ajudados e encorajados. The Health Reformer, junho de 1873.

Um Lugar Especial Para Mulheres na Obra

Há um vasto campo no qual nossas irmãs podem fazer um bom serviço para o Mestre nos diferentes setores da obra relacionados com Sua causa. Por intermédio do trabalho missionário podem elas alcançar uma classe que nossos pastores não o podem. ... Há trabalho negligenciado ou incompleto que podia ser inteiramente completado pelo auxílio que essas irmãs podem dar. Há tanta espécie de trabalho demasiado difícil para mulheres, a que nossos irmãos são chamados a empenhar-se, que muitos setores do trabalho missionário são negligenciados. Há tanta coisa relacionada com diferentes igrejas deixada por fazer que as mulheres, se devidamente instruídas, poderiam atender. Nossas irmãs podem servir como secretárias de igrejas, de maneira que os negócios da igreja não ficassem tão tristemente abandonados. Há muitos outros cargos relacionados com a causa de Deus para cujo desempenho nossas irmãs estão melhor qualificadas que nossos irmãos, e nesses postos elas poderiam fazer um eficiente trabalho. Review and Herald, 19 de dezembro de 1878.

Correspondência Missionária

Podem as mulheres fazer um bom trabalho no campo missionário, escrevendo cartas a amigos, descobrindo assim os seus verdadeiros sentimentos em relação à causa de Deus.


BS - Pag. 148  

Muitos itens valiosos são trazidos à luz por este meio. Os obreiros não devem procurar a exaltação própria, mas apresentar a verdade em sua simplicidade, sempre que a oportunidade se apresente. Signs of the Times, 16 de setembro de 1886.

Deus Reclama Nosso Tempo e Dinheiro

Não temos o direito, minhas irmãs cristãs, de gastar o nosso tempo, e dar o exemplo a outras que são menos capazes que nós, de gastar seu tempo e energias com ornamentos desnecessários, com vestuário ou mobiliário, ou de se mostrarem indulgentes em alimentos supérfluos. Temos deveres religiosos a cumprir, e se negligenciarmos esses deveres, dedicando nosso tempo a coisas desnecessárias, definharemos no intelecto e separaremos nossas afeições de Deus. O Autor de nossa existência tem direitos sobre nosso tempo e nosso dinheiro. Ele tem ao nosso redor pobres e sofredores que o dinheiro pode aliviar e que palavras de animação e coragem podem abençoar. Cristo Se identifica com as necessidades da humanidade sofredora. Se negligenciais visitar a viúva e os órfãos provados na fornalha da aflição, sofrendo necessidades e privações, não estais percebendo que Cristo assinala o fato contra vós no livro de registros, como se a Ele houvésseis negligenciado. The Health Reformer, junho de 1873.

Empenho no Evangelismo Pessoal

Uma direta necessidade está sendo enfrentada pelo trabalho de mulheres que se têm dado ao Senhor e se têm dedicado a ajudar um povo necessitado, ferido pelo pecado. Deve fazer-se trabalho evangelístico pessoal. As mulheres que se têm entregue a esta obra levam o evangelho aos lares do povo nos caminhos e valados. Elas lêem e explicam a Palavra a famílias, orando com elas, cuidando dos enfermos e aliviando suas necessidades temporais. Testimonies, vol. 6, pág. 118.

<< Capítulo Anterior Próximo Capítulo >>